fbpx

Concurso TJ-RN: banca organizadora anunciada (FGV)

Equipe Flávia Rita

O Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte (TJ-RN) anunciou a Fundação Getúlio Vargas (FGV) como a banca organizadora do próximo concurso. O certame oferecerá 229 vagas para cargos de nível médio e superior, com remunerações de R$ 5.674,08 a R$ 9.001,18. As vagas são para os cargos de Analista e Técnico Judiciário em diversas especialidades, com lotação no Rio Grande do Norte.
Concurso TJ RN: banca organizadora anunciada (FGV)

O Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte (TJ-RN) anunciou a Fundação Getúlio Vargas (FGV) como a banca organizadora do próximo concurso. O certame oferecerá 229 vagas para cargos de nível médio e superior, com remunerações de R$ 5.674,08 a R$ 9.001,18. As vagas são para os cargos de Analista e Técnico Judiciário em diversas especialidades, com lotação no Rio Grande do Norte.

Resumo do concurso TJ-RN:

Serão oferecidas 229 vagas para cargos de nível médio e superior. Além disso, a banca organizadora será a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e as provas objetivas serão aplicadas em data ainda não anunciada.

Em relação às remunerações, elas variam de R$ 5.674,08 a R$ 9.001,18 e os cargos disponíveis são de Analista e Técnico Judiciário em diversas especialidades, com lotação no Rio Grande do Norte.

Como se preparar para o concurso TJ-RN?

Ainda não há mais detalhes disponíveis sobre o concurso TJ-RN, mas é importante ficar atento às informações que serão divulgadas nos próximos dias. No entanto, para se preparar para este concurso, comece a estudar desde já! É fundamental revisar a matéria de cada uma das disciplinas que serão cobradas na prova, além de manter-se atualizado com as últimas notícias e novidades do mundo jurídico.

Dicas para ajudá-lo na sua preparação são:

  • Crie um planejamento de estudos e estabeleça metas diárias ou semanais para revisar a matéria e resolver questões.
  • Escolha materiais didáticos que sejam adequados ao seu estilo de aprendizado e que abordem de forma clara e objetiva a matéria que será cobrada na prova.  O curso Flávia Rita tem muitos cursos on-line com foco na banca FGV e no seu concurso que podem ajudá-lo a estudar de forma mais eficiente.
  • Faça simulados para medir o seu progresso e identificar as suas dificuldades. Além disso, esses simulados também ajudam a acostumar o seu cérebro com o formato e o ritmo das provas.
  • Mantenha-se motivado: para continuar estudando e se dedicando durante o processo de preparação para o concurso público, é importante manter a motivação e o entusiasmo. Para isso, escolha um local de estudos confortável, estabeleça metas realistas e recompense-se quando alcançá-las. Além disso, dividir os estudos com outros candidatos, formando um grupo de estudos ou participando de fóruns online para trocar dicas e motivar-se mutuamente, pode ser útil.
  • Estude Português: É fundamental que você tenha um bom domínio da língua portuguesa, especialmente em relação às normas de redação e de comunicação formal. Além de ser uma exigência para muitos cargos no setor público, o português também pode ser cobrado nas provas objetivas e dissertativas do concurso. Portanto, não deixe de estudar este assunto e de praticar a redação de textos e a leitura de textos jurídicos. Isso pode fazer toda a diferença na hora de se destacar entre os concorrentes e conquistar uma vaga no TJ-RN.

Por que trabalhar no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJ-RN)

O concurso TJ-RN é uma excelente oportunidade para quem deseja ingressar na carreira de servidor público e trabalhar em um órgão tão importante quanto o Tribunal de Justiça.

Além da remuneração atrativa e dos benefícios oferecidos, trabalhar no TJ-RN também é uma forma de contribuir para a administração da justiça e para a garantia dos direitos fundamentais da sociedade.

Por isso, comece a se preparar desde já e bons estudos!

 

Sobre o último concurso TJ-RN – 2021

O último concurso público do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJ-RN) foi realizado em 2001, oferecendo oportunidades para cargos de Auxiliar, Técnico e Analista Judiciário.

Em 2020, o órgão também realizou um processo seletivo simplificado para o preenchimento de vagas temporárias nos cargos de Analista de Suporte Pleno, Coordenador Técnico de Atendimento e Suporte, Técnico de Suporte Sênior, Analista de Suporte Pleno – Banco de dados, Analista de Sistema Sênior e Administrador de Sites.

Além disso, a lei complementar nº. 712 promoveu a transformação de cargos no TJ-RN. Segundo o documento, foram transformados 25 cargos de Auxiliar Técnico Judiciário, 21 cargos de Analista Administrativo e 19 cargos de Técnico em Informática (área Administrativa) em Analista de TI (Análise de Sistemas) e Analista Judiciário de TI (Análise de Suporte).

CONTINUE LENDO