fbpx

TRF 3 – Técnico Judiciário – Prova de Português Comentada

Equipe Flávia Rita

Você fez a prova para Técnico Judiciário – Área Administrativa do Tribunal Regional Federal da 3ª Região e agora quer conferir o gabarito da disciplina de Língua Portuguesa? Então siga lendo! Comentamos item por item da prova, de forma que você possa entender o que errou, por que errou e, mais importante, não errar novamente! Vamos lá?

Se você estiver estudando para concursos com foco específico na banca, confira nossos cursos específicos para a FCC! Separamos essa aula para você rever o conteúdo de regência e conhecer nossa metodologia!


Atenção:    Considere o texto abaixo para responder às questões de números 1 a 8.

1             Existe uma enfermidade moderna que afeta dois terços dos adultos. Seus sintomas incluem falta de apetite, dificuldade para controlar o peso, baixa imunidade, flutuações de humor, entre outros. Essa enfermidade é a privação de sono crônica, que vem crescendo na esteira de dispositivos que emitem luz azul.

2             Por milênios, a luz azul existiu apenas durante o dia. Velas e lenha produziam luz amarelo-avermelhada e não havia iluminação artificial à noite. A luz do fogo não é problema porque o cérebro interpreta a luz vermelha como sinal de que chegou a hora de dormir. Com a luz azul é diferente: ela sinaliza a chegada da manhã.

3             Assim, um dos responsáveis pelo declínio da qualidade do sono nas duas últimas décadas é a luz azulada que emana de aparelhos eletrônicos; mas um dano ainda maior acontece quando estamos acordados,  fazendo um malabarismo obsessivo com computadores e smartphones.

4             A maioria das pessoas passam de uma a quatro horas diárias em seus dispositivos eletrônicos – e muitos gastam bem mais que isso. Não é problema de uma minoria. Pesquisadores nos aconselham a usar o celular por menos de uma hora diariamente. Mas o uso excessivo do aparelho é tão predominante que os pesquisadores cunharam o termo “nomofobia” (uma abreviatura da expressão inglesa no-mobile-phobia) para descrever a fobia de ficar sem celular.

5             O cérebro humano exibe diferentes padrões de atividade para diferentes experiências. Um deles retrata reações cerebrais de um viciado em jogos eletrônicos. “Comportamentos viciantes ativam o centro de recompensa do cérebro”, afirma Claire Gillan, neurocientista que estuda comportamentos obsessivos. “Contanto que a conduta acarrete recompensa, o cérebro a tratará da mesma maneira que uma droga”.

(Adaptado de: ALTER, Adam. Irresistível. São Paulo: Objetiva, edição digital)

Questão 01. Considere as afirmações abaixo.

I. Critica-se no último parágrafo a dependência psicológica do celular, chamada por especialistas de “nomofobia”, característica de uma minoria que o utiliza de maneira abusiva.

I. No texto, associa-se a perda da qualidade do sono ao uso de dispositivos eletrônicos que emitem luz azul.

III.  O autor expressa sentimento de nostalgia ao enaltecer uma época em que a maior parte da iluminação noturna provinha de luzes amarelo-avermelhadas.

Está correto o que consta APENAS de

(A)         II e III .

(B)          I e II.

(C)          II.

(D)         I.

(E)          I e III.

Questão 01. Comentário. O item I é falso, pois, no último parágrafo, não se encontra qualquer crítica à dependência dos aparelhos telefônicos. Nele, o autor discorre as reações cerebrais a diferentes experiências. O item II é verdadeiro, como se nota no seguinte trecho: “Assim, um dos responsáveis pelo declínio da qualidade do sono nas duas últimas décadas é a luz azulada que emana de aparelhos eletrônicos”. O item III é falso, uma vez que inexiste nostalgia ou juízo de valor por parte do autor acerca da luz vermelha e do anoitecer. No parágrafo, o autor apenas expõe um fato. Gabarito Oficial – Letra C: Portanto, correta a letra C, sendo o gabarito da questão.

Questão 02. Mas o uso excessivo do aparelho é tão predominante que os pesquisadores cunharam o termo “nomofobia” (uma abreviatura da expressão inglesa no-mobile-phobia) para descrever a fobia de ficar sem celular. (4º parágrafo). O trecho sublinhado exprime uma

(A)         consequência.

(B)          oposição.

(C)          finalidade.

(D)         condição.

(E)          causa.

Questão 02. Comentário. Gabarito Oficial – Letra A: O trecho apresenta uma relação oracional consecutiva, em que a segunda oração traz a consequência da primeira. A construção se faz a partir do emprego de conjunções subordinadas cosecutivas, tais como “tão que”, “de tal maneira”, “de modo que”, “de sorte que”, “de forma que”, entre outros. Portanto, correta a letra A, por identificar a relação de sentido presente na frase.

Questão 03. A respeito da pontuação do texto, afirma-se corretamente:

(A)         No trecho Essa enfermidade é a privação de sono crônica, que vem crescendo na esteira de dispositivos que emitem luz azul (1º parágrafo), uma vírgula pode ser colocada imediatamente após “dispositivos”, sem prejuízo da correção e do sentido.

(B)          No trecho – e muitos gastam bem mais que isso (4º parágrafo), o sinal de travessão introduz uma oposição.

(C)          No segmento Por milênios, a luz azul existiu apenas durante o dia (2º parágrafo), a vírgula indica mudança de sujeito.

(D)         Sem prejuízo da correção, no segmento Com a luz azul é diferente: ela sinaliza a chegada da manhã (2º parágrafo), o sinal de dois-pontos pode ser substituído por pois, precedido de vírgula.

(E)          Em Seus sintomas incluem falta de apetite, dificuldade para controlar o peso, baixa imunidade e flutuações de humor (1º parágrafo), as vírgulas isolam um segmento explicativo.

Questão 03. Comentário. A letra A está errada, pois a colocação da vírgula imediatamente após “dispositivos” alteraria o sentido da oração subordinada adjetiva, a qual passaria da forma restritiva para a explicativa. A letra B está errada, já que o travessão não imprime a ideia de oposição, mas, sim, reafirma o argumento anteriormente apresentado. A letra C está errada, já que a vírgula apenas indica o deslocamento da locução adverbial “Por milênios”, a qual foi anteposta ao sujeito. Gabarito Oficial – Letra D: Correta a letra D, sendo o gabarito da questão, uma vez que os dois pontos introduzem uma explicação para o fato mencionado (a luz ser diferente), o que pode, perfeitamente, ser substituído pela conjunção explicativa “pois” precedida de virgula. Finalmente, a letra E encontra- se errada, uma vez que as vírgulas separam termos coordenados entre si em uma enumeração.

Questão 04. O verbo que pode ser corretamente flexionado em uma forma do singular, sem que nenhuma outra alteração seja feita na frase, está em:

(A)         A maioria das pessoas passam de uma a quatro horas diárias em seus dispositivos eletrônicos

(B)          Seus sintomas incluem falta de apetite

(C)          Velas e lenha produziam luz amarelo-avermelhada

(D)         Comportamentos viciantes ativam o centro de recompensa do cérebro

(E)          e muitos gastam bem mais que isso

Questão 04. Comentário. Gabarito Oficial – Letra A: Correta a letra A, em razão da presença da expressão partitiva “a maioria das pessoas”, a qual permite a concordância verbal tanto atrativa quanto lógica, ou seja, com o termo “maioria”, sendo o verbo flexionado no singular, ou com o substantivo “pessoas”, caso em que será flexionado no plural. A letra B não permite a flexão singular do verbo, em razão do sujeito plural “sintomas”. A letra C também incorre em erro na hipótese de flexão verbal no singular, pois o verbo concorda com seu sujeito composto “velas e lenha”. A letra D, por sua vez, somente autoriza o verbo na forma plural em razão do seu sujeito plural “Comportamentos viciantes”. Finalmente, a letra E também não aceita a forma singular do verbo, pois concorda com a palavra “muitos” substantivada.

Questão 05. Sem prejuízo para o sentido, o trecho sublinhado em Contanto que a conduta acarrete recompensa (último parágrafo) pode ser substituído por

(A)         Conforme

(B)          Desde que

(C)          Pois que

(D)         Ainda que

(E)          Conquanto

Questão 05. Comentário. O trecho “contanto que” classifica-se como uma conjunção condicional. Portanto, impossível a letra A, por trazer uma conjunção conformativa. Gabarito Oficial – Letra B: Correta a letra B, uma vez que “desde que” classifica-se igualmente como uma locução conjuntiva condicional. Incorreta a letra C, dado apresentar uma locução conjuntiva explicativa. Incorreta a letra D, já que “ainda que” é uma conjunção que exprime uma conjunção. E, finalmente, incorreta a letra E, por, tal como a assertiva D, trazer uma conjunção concessiva.

Questão 06. Estabelece relação de referência a uma expressão mencionada anteriormente no texto o termo sublinhado em

(A)         o cérebro interpreta a luz vermelha como sinal de que chegou a hora de dormir (2o parágrafo)

(B)          Não é problema de uma minoria (4o parágrafo)

(C)          fazendo um malabarismo obsessivo com computadores e smartphones (3o parágrafo)

(D)         Pesquisadores nos aconselham a usar o celular por menos de uma hora diariamente (4o parágrafo)

(E)          o cérebro a tratará da mesma maneira que uma droga (5o parágrafo)

Questão 06. Comentário. A letra A está errada, pois o termo sublinhado classifica

se como um substantivo, o qual não tem a função de referenciar termo anterior. A letra B destaca um artigo indefinido, cuja função é determinar o nome, não retomando qualquer ideia anterior. A letra C está errada, pois, tal como a alternativa A, destaca um substantivo. A letra D não atende o enunciado, já que a letra “a” sublinhada classifica-se como uma preposição, empregada em razão da regência do verbo “aconselhar”. Gabarito Oficial – Letra E: Assim, correta a letra E, ao sublinhar o pronome oblíquo “a”, o qual retoma a palavra “conduta”, expressa anteriormente.

Questão 07. O cérebro humano exibe diferentes padrões de atividade para diferentes experiências. (5o parágrafo). Transpondo-se a frase acima para a voz passiva, a forma verbal resultante será:

(A)         são exibidas

(B)          são exibidos

(C)          exibe-se

(D)         é exibido

(E)          exibiam-se

Questão 07. Comentário. A frase do enunciado se encontra na voz ativa. A transposição exigirá que o verbo seja flexionado para o particípio, sendo acompanhado do verbo auxiliar “ser”, o qual concordará em número com o sujeito e manterá as relações de tempo e modo da frase original. Em termos sintáticos, a transposição torna o objeto direto da voz ativa o sujeito paciente da voz passiva, ao mesmo tempo que transforma o sujeito da voz ativa no agente da passiva. Assim, o segmento “O cérebro humano exibe diferentes padrões de atividade” passará, na voz passiva, a ser “Diferentes padrões de atividade são exibidos pelo cérebro humano”. Gabarito Oficial – Letra B: Assim, correta a letra B, por apresentar a forma gramaticalmente adequada da locução verbal na voz passiva.

Questão 08. Existe uma enfermidade moderna que afeta dois terços dos adultos. // Essa enfermidade é a privação de sono crônica, que vem crescendo na esteira de dispositivos que emitem luz azul. (1º parágrafo)

As frases acima estão reescritas em um único período, com correção e coerência, do seguinte modo:

(A) Afetam dois terços dos adultos a privação de sono crônica, uma enfermidade moderna, que tem crescido na esteira dos dispositivos que emitem luz azul.

(B) Uma enfermidade moderna, à qual afeta dois terços dos adultos, é a privação de sono crônica, que tem crescido na esteira de dispositivos que emitem luz azul.

(C) A enfermidade  moderna,  que vem afetando dois terços dos adultos e crescendo  na esteira de dispositivos dos quais emitem luz azul é a privação de sono crônica.

(D) Tem vindo crescendo junto aos dispositivos que emitem luz azul, a privação de sono crônica: uma enfermidade moderna, que afeta dois terços dos adultos.

(E) A privação de sono crônica, uma enfermidade moderna que vem crescendo na esteira de dispositivos que emitem luz azul, afeta dois terços dos adultos.

Questão 08. Comentário. A proposta de reescrita da letra A se mostra gramaticalmente inadequada, em razão do erro na concordância do verbo “afetar”, o qual deveria estar flexionado no singular em razão do núcleo do sujeito “a privação de sono crônica”.  A letra B também incorre em erro gramatical, já que é incorreto o uso da crase na locução “a qual”, uma vez que inexiste a preposição “a” anteposta. A letra C está errada, pois a vírgula empregada imediatamente após “moderna” separa o sujeito do seu predicado. A letra D, por fim, apresenta dois erros: a forma “tem vindo crescendo”, a qual prejudica a compreensão do texto, e o uso da vírgula imediatamente após “azul”, dado se separar o sujeito do predicado. Gabarito Oficial – Letra E: Portanto, a letra E é o gabarito da questão por apresentar proposta de reescrita gramaticalmente correta e coerente.

Tirou todas as dúvidas da prova? Acertou todas as questões? Deixe duas opiniões na seções de comentários!

Deixe seu Comentário

Comentários

CONTINUE LENDO